Por Eduardo Eggers

O solstício de inverno foi celebrado na noite desta segunda-feira (21) na Smithfield Square, em Dublin. A comemoração remete à civilização celta, uma das primeiras a habitar a Irlanda, que realizava rituais para lembrar o dia com menos luz solar do ano.

No calendário atual, o dia 21 de dezembro marca o início do inverno no hemisfério norte. Porém, para os celtas a data é a metade da estação fria. Entre 1º de novembro e 21 de dezembro o período de luz solar diminui gradativamente, chegando a amanhecer às 8h30 e escurecer por volta das 16h na Irlanda. A partir de agora, os dias passam a ser mais longos. A média é de dois minutos a mais de luz solar a cada dia.

A festividade contou com adereços celtas, como bandeiras e vestimentas. Uma fogueira foi acesa e, em procissão, os participantes percorreram toda a extensão da Smithfield Square. Após, o público escreveu pedidos e agradecimentos em pedaços de papel e os colocou na fogueira. A tradição diz que, em função de o ano dos celtas começar no inverno, o momento é propício para renovar projetos ou agradecer por aquilo que foi alcançado.

Crédito fotos: Eduardo Eggers e Renata Agostini

12431597_896135803833093_2099726197_n 12431601_896135013833172_1137594397_n 12431681_896135140499826_2053205209_n DSC01450 DSC01452 DSC01455 DSC01468 DSC01474